sábado, 9 de fevereiro de 2013

Segunda Liga: Belenenses -FC Porto B (Antevisão)








Jogo complicado para os dragões no próximo sábado, deslocam-se ao Restelo para defrontar o Belenenses em mais uma jornada da Segunda Liga, onde a equipa liderada por Rui Gomes terá pela frente uma equipa que lidera de forma bastante confortável o campeonato, contabilizando nesta altura 60 pontos com 14 e 15 pontos de vantagem sobre o segundo e terceiro classificado respectivamente. 






O FC Porto "B" vem de um triunfo caseiro sobre a Oliveirense por 3-1, permitindo aos azuis e brancos subirem até à oitava posição, estando em igualdade pontual com a equipa "B" do Benfica. 

O Belenenses de facto tem sido a melhor equipa desta Segunda Liga, possuindo um conjunto de jogadores que apresentam qualidade, mas acima de tudo destaco o jogo colectivo da equipa que é fortíssimo, apresentando três sectores bastante compactos entre si, mantendo sempre uma postura bastante competitiva seja nos jogos realizados em casa ou fora do seu reduto. 

O treinador holandês Van der Gaag tem realizado um excelente trabalho, contando com um plantel jovem e ambicioso, recrutando grande parte deles a clubes da II Divisão uma aposta que tem dado os seus frutos, até porque alguns desses atletas têm sido indiscutíveis no conjunto do Restelo, que para este jogo não poderá com o central João Meira que foi expulso no jogo frente à Naval (empate a zero) e em condições normais será substituído por João Afonso, mantendo-se intocável o cabo verdiano Kay um dos melhores centrais desta competição.

Tacticamente, o Belenenses coloca-se num 4-2-3-1, apesar de puder existir algumas dúvidas quem ocupará uma ou outra posição, tendo em conta o que tem sido esta temporada e forma de pensar do seu treinador a equipa não irá fugir ao habitual, isto é, contando com  Matt Jones como guardião de serviço (acabou por ser importante no ponto obtido na Figueira da Foz), nas laterais tanto  Nélson como Duarte Machado são intocáveis, o mesmo sucedendo com o central Kay, que terá a seu lado  João Afonso face ao castigo de João Meira. 

Sobre a zona intermédia Diakité e Fernando Ferreira são dois jogadores muito importantes no equilíbrio da equipa, sendo que a nível ofensivo Diakité será um elemento a ter em conta nos esquemas tácticos ofensivos e  Fernando Ferreira é um jogador que aparece em zonas de finalização possuindo um bom remate. 

Quanto aos quatro jogadores com características mais ofensivas, todos eles são jogadores a ter atenção.  Tiago Silva tem sido um dos melhores "10" do campeonato (possui um potencial tremendo!) e fez esquecer  Miguel Rosa, estando as alas entregues ao experiente Desmarets e ao irreverente Arsénio, jogando mais adiantado  Diawara, se bem que  Tiago Caeiro e o regressado Rambé (esteve ao serviço de Cabo Verde no CAN) serão soluções válidas, assim como Fredy para um dos flancos.

No FC Porto, o facto da "B" jogar primeiro do que a equipa principal faz com que exista algumas dúvidas quanto ao onze a ser apresentado, como por exemplo o médio Tozé que tem sido chamado à convocatória dos "A" e portanto o técnico Rui Gomes poderá vir a ser obrigado a desfazer-se de algum jogador nuclear na sua estratégia. Curiosamente Tozé não jogou o encontro da primeira volta realizado no Estádio de Pedroso, na qual o Belenenses venceu por uma bola a zero, com o golo da vitória dos azuis a surgir já em tempo de compensação através de Arsénio.


Por: Dragão Orgulhoso
Enviar um comentário
>