domingo, 30 de setembro de 2012

Segunda Liga: FC Porto B vs Penafiel (Antevisão)




Neste domingo, o FC Porto "B" recebe o Penafiel após ter obtido o primeiro triunfo nesta competição depois de ter levado a melhor sobre a equipa secundária do Vitória de Guimarães por uma bola a zero (golo apontado pelo central Abdoulaye), tendo um adversário complicado pela frente, até porque o Penafiel possui um bom plantel e sem dúvida é uma das equipas que vão claramente lutar pelos primeiros lugares nesta Segunda Liga, ocupando actualmente a quinta posição com 13 pontos (quatro vitórias, um empate e duas derrotas).

O Penafiel tem praticado um bom futebol nesta competição, sendo que por norma o treinador Miguel Leal tem solidificado a sua equipa num 4-3-3 (meio-campo com um trinco e dois médios interiores) e nestas primeiras jornadas jogadores como Gabriel, Ferreira, Rafa, Robson (está em dúvida para este jogo contra a nossa equipa) e o Aldair (muita atenção a este extremo!) tem estado em evidência e incluindo o brasileiro Robson é de prever em termos de onze os laterais Gabriel e Joel Neves sobre a direita e esquerda respectivamente, estando à frente do guardião Coelho a dupla constituída pelo Fábio Ervões e Thiago Pereira.

Sobre o meio-campo Ferreira a ser o elemento mais recuado, estando como interiores o Robson (caso não esteja apto, o Sérgio Organista poderá ser opção), Rafa (excelente jogador). Quanto ao ataque, o irrequieto Aldair surge como indiscutível, surgindo seja no lado esquerdo ou na direita, assim como o ex-portista Diogo Viana e o ponta de lança Romeu Torres.

Quanto ao FC Porto "B", a lista de convocados não é conhecida e existe expectativa sobre utilização de jogadores oriundos da equipa principal como por exemplo Abdoulaye, Kelvin e quem sabe o internacional argentino Iturbe, o que aumentaria e de que maneira a qualidade da nossa equipa e mesmo caso não haja Iturbe, as soluções possíveis também agradam e apesar do Penafiel ter qualidade (sobretudo do meio-campo para a frente), é possível discutir os três pontos neste desafio e sem dúvida uma vitória iria dar ainda mais tranquilidade a uma equipa que precisa destes momentos de forma a subir na tabela classificativa.


Antevisão do Treinador:

“Já nos sentimos mais confortáveis”







Rui Gomes esteve esta sexta-feira perante a comunicação social para antever o encontro entre o FC Porto B e o Penafiel, da oitava jornada da Segunda Liga, um jogo agendado para as 11h00 de domingo, no Estádio de Pedroso. Para o técnico dos Dragões, a vitória da última ronda trouxe a confiança e a tranquilidade necessárias para que a equipa entre numa espiral de bons resultados.








Equilíbrio é nota predominante
“A serenidade que a vitória dá deixa-nos mais satisfeitos do que quando não ganhamos, mas, por outro lado, não nos dá garantias do que quer que seja. Cada jogo será sempre uma ‘guerra’ e sabemos que vai ser sempre bastante difícil. Há um nivelamento muito grande entre todas as equipas desta liga. Pelo menos é aquilo que eu sinto, aquilo que eu observei nestas primeiras jornadas. Não será por acaso que nós, ao longo destas sete jornadas, tivemos um jogo em que realmente perdemos de forma desnivelada, um jogo em que actuámos mais de 80 minutos com menos uma unidade e, em todos os outros, terminámos empatados ou houve uma vitória tangencial.”

Mais próximos do nível desejado
“Neste momento estamos mais tranquilos e mais alegres, bem-dispostos e confiantes, mas não temos, por isso, qualquer garantia de que o próximo jogo seja absolutamente perfeito. Temos é mais condições de nos aproximarmos daquilo que penso ser o nosso nível competitivo. Já nos sentimos mais confortáveis nesta competição.”

Triunfo em Guimarães “teve equipa”
“Termos marcado primeiro foi uma grande vantagem. Em jogos assim equilibrados isso é importante. A partir desse momento, o V. Guimarães tomou mais iniciativa, quis chegar logo ao empate e, eventualmente, à vitória e aí fomos extremamente solidários. Praticamente não consentimos oportunidades e apresentamo-nos bastante coesos e muito sólidos ao longo de todo o jogo. Não conseguimos ainda demonstrar a qualidade de jogo que queríamos mas, lá está, isso virá com o tempo e com esta confiança que os melhores resultados trarão.”

Erros são esmiuçados diariamente
“Temos identificado todos os erros que cometemos. Identificamos e analisamos, mas na realidade do momento, no contexto de jogo, por vezes não somos capazes de nos impedir de os cometer. Isso também é normal, porque temos uma equipa muito jovem e ainda um pouco imatura, mas estamos a trabalhar, a corrigir e a aprender a contornar essas situações.”

Adversário não vai trazer surpresas
“Acho que vamos ter um Penafiel à semelhança de muitas outras equipas que já defrontámos, um Penafiel a assumir uma postura de espera, com um bloco baixo, contando com o nosso erro. Vão esperar pelo momento em que possam ter uma oportunidade de transição rápida, porque têm jogadores rápidos na frente e vão querer tirar partido dessa situação e, quem sabe, de alguma impaciência da nossa parte. Nós queremos, obviamente, assumir o jogo e cometer o menor número de erros possível, sobretudo em zonas que nos comprometam, porque é precisamente disso que o nosso adversário vai estar à espera.”
(Antevisão do treinador fonte: www.fcporto.pt)


Por: Dragão Orgulhoso
Enviar um comentário
>