sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Estreia pouco auspiciosa de Hulk com derrota do Zenith.


Abrindo uma excepção para falar de um ex-atleta nosso, porque o merece, porque foi um grande profissional, informamos que a estreia de Hulk não correu da melhor forma.

Entrando na segunda parte (que cumpriu completa), Hulk jogou descaído para a direita como era seu timbre no nosso clube, mas as coisas não lhe correram da melhor maneira.






Com os adversários a marcar em cima mercê da fama granjeada, e com algumas entradas bem duras à mistura, Hulk ainda teve três oportunidades de golo, duas delas na marcação de livres directos (um frontal e outro descaído ligeiramente para a direita), e na sequência de uma jogada individual (ao seu melhor estilo) em que da direita flecte para o interior e remata ao poste mais distante para uma boa defesa do guarda-redes do Terek Grozny.





Continuamos a achar que Hulk no campeonato Russo é um pouco como dar pérolas a porcos, mas é o futebol negócio a falar mais alto!

Foi um resultado a que o nosso ex super-herói não estará muito habituado, ainda para mais perdendo em casa, ao contrário do colega do lado para quem estes resultados já iam sendo um tanto ou quanto mais habituais...

Como curiosidade informamos que os golos do Terek foram marcados no segundo tempo já com Hulk em campo, e que o primeiro golo do Terek foi marcado por Ailton que na temporada passada jogando pelo APOEL nos deu alguns amargos de boca, golo esse com culpas de Bruno Alves que viria também a ser culpado no segundo golo dos Tchetchenos.

Por: Rabah Madjer
Enviar um comentário
>