sexta-feira, 8 de março de 2013

FC Porto - Estoril Praia (Antevisão)



O empate em Alvalade já lá vai e agora as atenções estão viradas para o jogo contra o Estoril,que será disputado hoje no Estádio do Dragão , partida que antecede mais um confronto europeu por parte do FC Porto que terá na próxima quarta-feira um jogo decisivo relativo aos oitavos de final da Liga dos Campeões.

A equipa do Estoril é uma das que joga de "peito feito" seja contra quem for, revelando uma boa postura dentro das quatro linhas, tentando incutir o seu jogo da melhor forma possível, jogando em casa ou fora, no entanto é normal e completamente compreensível adoptar um bloco mais baixo, linhas mais próximas uma da outra, fazendo uso das transições.




Um dos pontos forte deste adversário são precisamente as suas transições de ataque, tendo jogadores rápidos na frente e que transportam bem a bola, criando dificuldades a qualquer equipa que possa surgir pela frente e contam com dois laterais que atacam bastante. 





Uma das coisas que realço nesta equipa é ter exactamente a mesma postura competitiva seja casa ou fora e nesta fase só não tem mais pontos devido algumas desconcentrações nas partes finais dos jogos.

A nível de posicionamento e sistema de jogo não haverão modificações (poderá existir alguma troca directa de jogador mas que não implique mudanças tácticas), Marco Silva joga por norma num 4-2-3-1, optando por um duplo-pivot na zona intermédia (Diogo Amado e Gonçalo Santos) de forma a dar maior liberdade ofensiva a Evandro, com os irrequietos Licá e Carlitos sobre as alas, estando mais adiantado Luís Leal que é actualmente o melhor marcador da sua equipa.

Seja no meio-campo como na frente não acredito que hajam alterações, na defesa muito menos com o indiscutível Vagner na baliza (apesar de Renan ter mais "fama", o seu compatriota dá outra qualidade entre os postes), os laterais Mano e Jefferson (Anderson Luís tem estado pelo banco de suplentes), estando no centro da defesa Yohan Tavares e o central goleador Steven Vitória.

O FC Porto para este encontro ainda não pode contar com a integração do central Mangala nem do médio João Moutinho, mas o único pensamento só poderá ser a conquista dos três pontos de forma a manter-se na luta pelo título, apesar de ocupar a segunda posição nesta altura, a equipa continua a depender exclusivamente de si para chegar ao primeiro lugar.

Lista de convocados:

Guarda-redes: Helton e Fabiano.

Defesas: Danilo, Otamendi, Maicon, Abdoulaye, Alex Sandro e Quinõnes.

Médios: Fernando, Castro, Defour e Lucho.

Avançados: James, Varela, Izmailov, Atsu, Jackson e Liedson.


Por: Dragão Orgulhoso
Enviar um comentário
>