sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Estórias com história ( Cronologia do Tetra)




Abril/2000



O Adeus aos sonhos

Abril foi fatídico para os Pentacampeões nacionais, que a nível interno se deixaram arredar do Hexa e na Liga dos Campeões foram afastados por duas arbitragens cirúrgicas.

O FC Porto chegou a Abril animado pelos mais ambiciosos sonhos: a conquista do Hexa e a passagem de mais um patamar da Liga dos Campeões. Só que no espaço de três dias deitou tudo a perder. A derrota na Luz, frente à agremiação, deixou o Sporting com quatro confortáveis pontos de vantagem sobre os Azuis e Brancos, que dias depois, em casa, não conseguiram mais do que empatar a uma bola com o Bayern de Munique. E se em relação ao jogo da Luz os Portistas reclamavam um golo de Clayton – as imagens digitais mostraram que a bola entrou mesmo – no confronto com o campeão da Alemanha as razões de queixa foram bem objectivas, tendo por ficar por assinalar uma grande penalidade escandalosa.

Mas a desdita Portista frente aos bávaros não se ficou pela actuação do russo Levnikov nas Antas. Duas semanas volvidas, no Olímpico de Munique, O FC Porto foi cirurgicamente derrotado pelo juiz escocês Hugh Dallas, que deixou passar em claro dois penaltis favoráveis ao FC Porto e inventou, já em tempo de descontos, uma falta da qual resultaria o 2-1 para os alemães. Isto pouco depois de Jardel ter marcado o 1-1, que levaria a prolongamento numa altura em que os Portistas jogavam deliberadamente ao ataque e os alemães procuravam desesperadamente afastar a bola o mais possível da sua área.

No final da partida as críticas de Fernando Santos à actuação do árbitro acabariam por lhe valer dois jogos de suspensão, tendo o FC Porto multado em 6.100 contos (30.500 €). No balanço de toda aquela enorme fita, ficou no ar a ideia de que nada do que se passou no estádio do Bayern, foi limpo e transparente.

Dias depois, Pinto da Costa comemorou o seu 18º ano como presidente do FC Porto, mas acabou por ter a mais indesejada das prendas por parte da equipa. Depois de estar a vencer em faro, por 3-1, a equipa Portista deixou-se empatar a três bolas e hipotecou, agora definitivamente, as suas aspirações em relação à conquista de um objectivo mítico, o Hexacampeonato.

1 – Na Luz, a agremiação bate o FC Porto por 1-0, golo de Sabry. Jogo polémico e disputado sob muita chuva, com o FC Porto a marcar um golo de canto directo (Clayton, 8’) não validado.

Estádio da Luz – Árbitro: Martins dos Santos (28ª Jorn.)

Benfica: Bossio; Rojas, P. Madeira, Machairidis e B. Basto; Kandaurov, Calado, Poborsky; J. Pinto (S. Nunes 89’), Sabry e N. Gomes (Chano 84’)
Supl. não utilizados:Nuno Santos, Maniche e J. Tomás
Cartão amarelo: Kandaurov 43’, Sabry 44’, Poborsky, 69’ J. Pinto 89’

FC Porto: Hilário, Nelson, J. Costa, Aloísio e P. Santos; Peixe (Drulovic 71’), Chaínho (Domingos 77’), Alessandro (Capucho 55’), Deco, Clayton e Jardel
Supl. não utilizados: Rui Correia e R. Silva
Cartão amarelo: Peixe 31’, Clayton 64’, Chaínho 69’, J. Costa 72’
Golo: Sabry 67’

2 – O Sporting aproveita a derrota do FC Porto para aumentar a vantagem na frente da classificação. À 28ª ronda, os leões têm quatro pontos de vantagem.

4 – Primeira mão dos quartos-de-final da Liga dos Campeões. Nas Antas, FC Porto e Bayern de Munique empatam a um golo. Nos últimos momentos, o árbitro Levnikov, não marca penalti sobre Jardel.

Estádio das Antas – 30.125 Espectadores  – Árbitro: Levnikov (Rússia).

FC Porto: Hilário; Nelson, Jorge Costa, Aloísio, Esquerdinha; Chainho (Domingos 84’), Paulinho Santos, Deco; Capucho (Clayton 73’), Jardel, Drulovic.
Cartão amarelo: Aloísio, Jardel, J.Costa

Bayern Munique: Kahn; Babbel, Andersson, Kuffour; Scholl (Fink 87’), Jeremies, Effenberg, Lizarazu; Paulo Sérgio, Elber (Jancker 73’), Salihamidzic (Santa Cruz 80’).
Cartão amarelo: Effenberg, Jeremies, Lizarazu
Golos: Jardel 1-0, aos 47’, Paulo Sérgio 1-1, aos 80’.

 Zahovic em entrevista: “O FC Porto é o único clube que me faria recusar o Real Madrid”.

5 – Aloísio convocado para uma selecção da FIFA que joga, a 25 de Abril, em Sarajevo, frente à selecção da Bósnia. Carlos Queiroz é o técnico da “FIFA All Stars”.

Paul Madeira faz as contas: “Sporting e FC Porto têm sido mais beneficiados do que nós”.

9 – O FC Porto recebe e vence o Salgueiros por 2-0, golos de Rui Barros e Jardel.

Estádio das Antas – Árbitro: José Pratas (29ª Jorn.)

FC Porto: Hilário; Nelson, Jorge Costa, Aloísio, Esquerdinha; P. Santos. Rui Barros (Clayton 55’), Deco; Capucho (Domingos 59’), Drulovic (Romeu 87’) e Jardel
Supl. não utilizados: Rui Correia e R. Silva
Cartão amarelo:N/H

Salgueiros: J. Silva; Neves, R. Fernandes, P. Reis, Nelson; Rui. Ferreira, Toninho Cruz (Pedrosa 65’), J. Pedro; A. Macanga (F. Almeida 71’), B. Almeida (Paquito 45’)e Renato
Supl. não utilizados: João Ricardo e PaUlinho
Cartão amarelo: N/H
Golos: Rui Barros 25’ e Jardel 69’

10 – Nuno Gomes desapontado: “A agremiação não está habituada a lutar pelo só terceiro lugar (…)
- A agremiação e o Sporting em sintonia: José Capristano e Manolo Vidal, dirigentes dos dois clubes, sublinham que o FC Porto continua a ser beneficiado pelas arbitragens.

12 – FC Porto e Sporting qualificam-se para a final da Taça de Portugal. Os Pentacampeões derrotam o Rio Ave, nas Antas, por 3-0. Golos de Domingos, Jardel e Ricardo Silva.

Estádio das Antas – Árbitro: J. Coroado

FC Porto: Hilário; P. Santos, J. Costa, R. Silva, Esquerdinha (Romeu 67’); Peixe (Alísio 45’), Rui Barros, Deco (Clayton 43’); Drulovic, Domingos e Jardel
Cartão amarelo: P. Santos 39’, J.Costa 42’, Rui Barros 60’

Rio Ave: Tozé, Armando Sá, J. Humberto (Rochinha 58’), Peu, Nito; Costa, NIquinha (Fábio 73’), L. Coentrão (Gama 45’), Alércio; Jader e Hugo Henrique
Cartão amarelo: Peu 61’, Costa 76’
Golos: Domingos 19’, Jardel 28’, Ricardo Silva 30’

Vítor Baía a «OJOGO», depois de mais uma cirurgia ao joelho direito, realizada na Bélgica: “Pelo FC Porto sou capaz de tudo, mas agora tenho de ser egoísta”.

15 – 30ª Jornada: Santa Clara, 0 FC Porto, 2, golos de Capucho e Jardel.

Estádio São Miguel – Árbitro: Isidoro Rodrigues (30ª Jorn.)

Santa Clara: Adir; Patacas (Portela 72’), Luís Miguel, Sérgio, Telmo; Barrigana, P. Martins (El Idrissi 71’), Formoso, Figueiredo, Prokopenko, Geroge
Supl. não utilizados: Fernando, Amaral, René Rivas
Cartão amarelo: Figueiredo 65’, Formoso 71’

FC Porto: Hilário; Nelson, J. Costa, Aloísio, Esquerdinha; P. Santos, Deco, Chaínho (Rui Barros 82’); Capucho (Domingos 72’), Drulovic (Clayton 87’) e Jardel
Supl. não utilizados: Rui Correia, Peixe
Cartão amarelo: P. santos 62’
Golos: Capucho 24’, Jardel 60’

16 – O Sporting ganha ao Guimarães (1-0, Acosta) e mantém dois pontos de avanço sobre o FC Porto. A agremiação perde na Luz com o Belenenses. No final, Fernando Mendes (Belenenses) afirma: “Ganhámos a uma equipa foleira”.

18 – O FC Porto é afastado das meias-finais da Liga dos Campeões ao perder em Munique, frente ao Bayern, por 2-1. A arbitragem do escocês Dallas elimina os Portistas. Dois penaltis por marcar e dúvidas na falta que originou o segundo golo alemão.

Estádio Olímpico de Munique – 47.000 Espectadores – Árbitro: Dallas (Escócia)

Bayern Munique: Kahn; Babbel, Andersson, Linke; Fink, Scholl, Jeremies, Tarnat (Kuffour 81’); Paulo Sérgio, Elber (Jancker 90’), Santa Cruz (Salihamidzic 68).
Cartão amarelo: N/H

FC Porto: Hilário; Nelson, Jorge Costa, Aloísio, Esquerdinha; Chainho (Rui Barros 44’, Domingos 77’), Paulinho Santos, Deco (Clayton 60’); Capucho, Jardel, Drulovic.
Cartão amarelo: Aloísio, Deco, Hilário, Paulinho Santos.
Golos: Paulo Sérgio 1-0 aos 15’, Jardel 1-1 aos 90’, Linke 2-1 aos 90+1.

22 – 31ª Jornada: O FC Porto goleia o V. Setúbal por 4-1, golos de Jardel 3 e Domingos, e o Sporting passa em Vila do Conde. Na luta pela UEFA, o Boavista vence o Gil Vicente e aumenta para três pontos o seu avanço sobre os gilistas.

Estádio das Antas – Árbitro: Jacinto Paixão (31º Jorn.)

FC Porto: Hilário; Nelson, Jorge Costa, Aloísio, Esquerdinha;P. Santos, Deco (Peixe 85’), Domingos; Capucho (Clayton 56’), Drulovic (Rui Barros 72’) e Jardel
Supl. não utilizados: Rui Correia, Romeu
Cartão amarelo: N/H

V. Setúbal: M. Tábuas; R. Esteves, P. Filipe, Quim, P. Henriques; Semedo Chiquinho Conde 58’), Mamede, Hélio; Nélson Silva (Herivelto 45’), Meyong e Maki (Catarino 80’)
Supl. não utilizados:Brassard, Marco Ferreira
Cartão amarelo: Marco Tábuas 49’. Paulo Filipe 71
Golos: Domingos 1´, Jardel 41’, 50’ (pen) 54’ e Meyong 84

Pinto da Costa chega ao 18º ano de presidência. No currículo conta com 117 títulos, dos quais se destacam, no futebol, uma Taça dos Campeões, uma Taça Intercontinental e uma Supertaça Europeia; no hóquei, duas Taças dos Campeões, duas Taças das Taças e duas Taças CERS.

27 – O paraguaio Carlos Paredes assina contrato com o FC Porto, válido por 5 épocas.

 A participação do FC Porto, na Liga dos Campeões valeu 2,8 milhões de contos (14 milhões €).

28 – A UEFA multa o FC Porto em 6.100 contos (30.500 €) e suspende Fernando Santos (2 jogos).

29 – A ganhar por 3-1 em Faro, o FC Porto permite o empate. Fernando Santos assume que se “tornou mais difícil” a revalidação do título.

Estádio S. Luís (Faro) – Árbitro: Paulo Paraty (32ª Jorn.)

Farense: Candeias; M. Serôdio (Lunari 86’), C. Costa, P. Sérgio, King (Hassan 45’); V. Manuel, Marinescu, Cavaco; Zé Tó, C. Fernandes (Everson 67’), Quinzinho
Supl. não utilizados: Miguel Rosa, Fábio Felicio
Cartão amarelo: Quinzinho 2’, C. Costa 25’, Candeias e Marinescu 90’

FC Porto: Hilário; Nelson (Romeu 83’), Jorge Costa, Aloísio, Esquerdinha;P. Santos, Deco Domingos; Capucho (R. Silva 78’), Drulovic (Clayton 62’) e Jardel
Supl. não utilizados: Rui Correia, Peixe
Cartão amarelo: Deco 48’, J. Costa 49’, R. Silva 89’
Golos: Marinescu 5’,44’, Jardel 16’, 26’ (pen), Drulovic 31’, Everson 81’

30 – O Sporting vence no Funchal por 2-0 e, a duas jornadas do fim, está a uma vitória do título.

Classificação a 2 jornadas do final do campeonato:
1º Sporting 32/74  -  2º FC Porto 32/70  -  3º Benfica 32/63  -  4º Boavista 32/54


Por Nirutam

Enviar um comentário
>