sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Aspirina

#Benfica #Sporting #FCPorto #Aspirina #Joker



Sai uma aspirina
Pr’a dor de cabeça!
C’a mona já incha
No cimo da crina!

Assim vão as dores
De quem se lamenta!?
E d’árbitro comenta
Sem ser dos favores?

Que foi amarelado
E isso fez mossa…
Não há vista grossa
Nem campo inclinado?

E a equipa completa
Sem jogador expulso?
Isso está em desuso
Daí a maleita!?

Perdendo com brio
Em campo alemão
Só dá um melão
A quem o não viu!?

Fazendo um remate
Num único golo?
Tal foi o consolo
De quem o jogo reparte?

Afinal o queria
O guru do Mestre?
Passar esse teste
De cabeça vazia?

Foram massacrados
Por equipa mediana…
Mas esta semana
Já ganham folgados!

Vai estar o Arouca
No estádio da luz
E vai o Jesus
Soltar-se na louca!

A cabeça airosa
De pêlos ao vento…
Lá vai o sofrimento
Do jogo na Europa!

Valeu as aspirinas
Tomadas às três
Que nessa altivez
Foram pequeninas…

Podiam ser mais
Na receita de Vigo
E um outro artigo
Escrito nos anais!

Qu’o Correio do Manha
Culpand’o árbitro…
Qu’o desenho táctico
Foi grande façanha!!

O campeão nacional
Em grande cartel!?
No peso fiel
Em valia igual!

E assim vai o burgo
Feliz e contente!
Que por cá se mente
Nesse líder d’entrudo!

Qu’o vice-líder
Só empatou…
Mas na Ucrânia provou
A razão do poder!

Roubos de vão d’escada
Em Guimarães, Alvalade…
E ninguém diz a verdade
Depois d’esta abada?

É isto que se quer
Nessa Liga ilegal?
Qu’o campeão de Portugal
Tome três por clister?

É por essa acidez
Que se toma no ânus
Como simples bónus
Se tomadas às três!?


Por: Joker
Enviar um comentário
>