segunda-feira, 23 de abril de 2012

Basquetebol, Play-off, quartos de final, 3º Jogo: Vitória de Guimarães 65-69 FC Porto (Crónica)








Apesar de ter realizado mais uma exibição algo irregular, a verdade é que a nossa equipa conseguiu o objectivo número um para esta eliminatória, ou seja, levou de vencida o Vitória de Guimarães, desta feita por 69-65, alcançando o apuramento para as meias-finais dos playoff da Liga, tendo como próximo adversário a equipa do CAB Madeira, que derrotou igualmente por 3-0 o Barreirense.






Quanto ao jogo em si, o Vitória de Guimarães foi superior à nossa equipa em três dos quatro períodos de jogo, no entanto, o que fez mesmo a diferença foi o período no qual o FC Porto foi mais forte e de que maneira, uma vez que no terceiro período obteve um resultado de 23-10 e aí foi o momento chave do encontro.

Apesar de tudo, é preciso realçar, que o FC Porto foi a melhor equipa, seja no jogo interior como exterior, ficando um pouco aquém nos lances-livres. 


Além dos inevitáveis Gregory Stempin e Carlos Andrade, destaco a excelente exibição do jovem Diogo Correia, onde foi claramente um dos melhores da equipa e inclusive merece uma referência especial pelo lançamento convertido muito antes do meio-campo, algo que não acontece todos os dias, mas será um momento em que o mesmo certamente o recordará para sempre.


Uma palavra de apreço para o Vitória de Guimarães. Ao longo da temporada, o técnico Fernando Sá teve diversas limitações no que ao plantel diz respeito e mesmo para este terceiro jogo, contou apenas com um americano (Julian Blanks) e como tal foi obrigado a colocar por exemplo o João Torrie a jogar praticamente os 40 minutos e isso diz bem das poucas opções existentes e mesmo assim iam cometendo a proeza de levar o FC Porto a um quarto jogo, o que na minha opinião até não escandalizaria.

Como jogadores mais uma vez  André Bessa e Paulo Cunha estiveram em evidência!


Agora, que venha o CAB Madeira!!!



Por: Dragão_Orgulhoso
Enviar um comentário
>