sexta-feira, 26 de julho de 2013

Os m(i)aus!


Estava o trauliteiro
Em conversas c’o Baldé
Demonstrando quanto é certeiro
Nos contratos, e porquê!

Se não assinas a bem
Cham’a Juve Leo
É assim que te convém
E ao Bruma, esse céu!

Volta, pois estás perdoado
Só quero o teu melhor
Foste Bruma, enganado
Por esse canalha, tutor!

Chega-te aqui perto de mim
Qu’eu até te vou ensinar
Como se assina, assim…
Uma cruz basta, a andar!

E c’ uma cláusula de milhões
O Bruma junta-se ao Cissé!
Uma comandita por acções
É o que propõe ao Baldé!?

Viste como sei negociar?
Achas que nisto s’abusa?
Compras, quase sem pagar!?
E vendes, claro, p´la cláusula!

O Baldé, elucidado no acto
Foge c’a sua filharada
Sabe que no Presidente, aparato
É sintoma de nova chapada!

E pumba, é assim que negoceio
Tenho preferência na compra
Ao Porto, o Ghilas conveio
E eu é que me sinto p’la afronta!

Então s’eu tinha preferência
E o jogador não era do Baldé!?
Não podia escolher, em consciência
E tinha que assinar, por fé!?

Eu mostro-te como se faz
Patrício, queres ir pro estrangeiro?
Primeiro assinas, por trás
Que cedes, o teu passe e dinheiro!

Pumba, toma lá uma esquerda!
Baldé, volta que estás perdoado!
Trás o Bruma, que não se perda!
Qu’eu ponho-o em lugar guardado!

Porqu’o o Porto é um selvagem
Quer roubar o jogador
Se o diz o CM, por amostragem
E o manhoso, sem mais rancor?

Por certo querem fazer-nos mal
Vamos cortar mais relações
O corte é de valor total
Não queremos receber os milhões!

Do Moutinho, essa maçã tão podre!?
Que nojo, esse dinheiro com cheiro
Prefiro morrer bem pobre
Do que c’o dinheiro, tripeiro!?

E já que somos pobrezinhos
Vamos ali comprar o Sílvio
O quê, o benfica está c’o arranjinhos?
Orelhas, aqui fic’o aviso!!

Queremos é ficar c’o Pizzi!
Esse portento do Corunha!
O benfica já o tomou, cosi?
Não admitimos esta vergonha!

Vamos cortar mais relações
Pra verem como somos maus
Agora são os lampiões!
Vejam como rugem estes… miaus!



Por: Joker
Enviar um comentário
>