domingo, 25 de novembro de 2012

Hóquei em Patins: FC Porto 6 - 4 Noia (Por Dragão Orgulhoso)






A equipa comandada pelo ex-internacional Tó Neves recebeu e bateu a formação espanhola do Noia ontem sábado por 6-4, dando assim um passo importante rumo à qualificação para a segunda fase desta Liga Europeia, possuem neste momento mais quatro pontos em relação ao segundo classificado.



Foi um jogo disputado, perante o Noia que se apresentou mais na expectativa e a procurar fechar espaços, atacando pela certa e explorando qualquer erro individual que pudesse existir no lado contrário, inclusive foi a primeira equipa a chegar ao golo, um bom tónico curiosamente para o FC Porto. 

O FC Porto manteve a mesma toada ofensiva e foi com toda a naturalidade que deu a volta ao marcador, os golos foram surgindo normalmente, contando ainda com boa réplica proporcionada pelos espanhóis, mas insuficiente para colocar em causa a vitória do conjunto orientado por Tó Neves. 

N nossa equipa Ricardo Barreiros continua evidenciar um excelente momento de forma, além de marcar dois golos esteve bastante activo quer a defender como atacar. De realçar igualmente a excelente eficácia de Jorge Silva, que apontou três golos, sendo desta feita o melhor marcador da partida. 

Pela negativa destaco mais uma vez a falta de eficácia nas cobranças quer de livres directos e de grandes penalidades, nos últimos três encontros realizados pela nossa equipa, foi desperdiçado mais de dez situações de bola parada, o que diz e muito que esta é uma vertente necessária a ser melhorada e sobretudo aperfeiçoada.

Aproveitando o empate no outro jogo do grupo, o FC Porto poderá carimbar brevemente em termos matemáticos o apuramento aos quartos de final da competição, sendo que pela primeira vez os quartos serão jogados em duas mãos, só depois se realizará a final-four de forma apurar o campeão europeu.


Ficha do FC Porto:

FC Porto: Edo Bosch, Pedro Moreira, Jorge Silva, Ricardo Barreiros e Reinaldo Ventura. 
Jogaram ainda: Hélder Nunes, Tiago Losna e Vítor Hugo.


Por: Dragão Orgulhoso
Enviar um comentário
>