sábado, 22 de março de 2014

Segunda Liga, 35.ª jornada; FEIRENSE-FC PORTO B, 2-2

#FCPorto #FCPortoB #SegundaLiga

O Porto B visitou este Sábado o terreno do Feirense tendo empatado a 2 bolas.





No onze portista destaque para a ausência de Mikel (castigado) e Kadu (na equipa principal), que foram substituídos no onze por Leandro e Stefanovic.






O jogo começou bem para o Porto, que criou mais perigo nos minutos iniciais e não demorou a chegar ao golo. Aos 11 minutos e depois de um excelente trabalho de Kayembe pela esquerda, Gonçalo Paciência aparece solto na área para abrir o marcador.

No entanto, apartir do golo o Feirense reagiu bem e o Porto descansou sobre o resultado. Por isso mesmo o resto da primeira parte foi inteiramente dominada pelo Feirense.

O Porto apresentava dificuldades para travar as combinações do Feirense pelo lado direito, com sucessivos cruzamentos a levarem perigo à baliza portista.

O Feirense tinha mais posse de bola e criava mais perigo junto da baliza de Stefanovic. Primeiro veio a ameaça com uma bola a passar perto do poste, depois o golo apareceu mesmo, na sequência de um ressalto com Fábio a finalizar em estilo.

Mesmo em cima do intervalo o Porto deixava assim escapar a vantagem.

A segunda parte pareceu uma cópia da primeira. O Porto entra de novo melhor e chega à vantagem mais uma vez por Gonçalo Paciência, a aproveitar um ressalto na área para finalizar.

Mas mais uma vez o Porto encolhe-se e o Feirense cresce. Até que aos 71 minutos, Quino falha na marcação e depois comete grande penalidade. 
Jorge Gonçalves não falha o castigo máximo e repõe a igualdade.

O Porto precisava de mexer e refrecar o meio campo, mas as substituições apareceram tarde e pouco mudaram.

Até ao final o Feirense foi a equipa que ficou mais perto do golo tendo falhado uma oportunidade soberana já nos minutos de compensação.

O resultado acaba por ser justo pelas oportunidades criadas por uma e outra equipa, sendo que o Feirense foi a equipa mais dominante no jogo.



Análise individual:

Stefanovic: Uma má saída dos postes a começar o jogo. Depois fez uma exibição segura.

Victor: Não teve grande trabalho na defesa. No ataque não se viu muito.

Zé António: Foi muito importante nas alturas. Boa exibição.

Tiago Ferreira: Muito trabalho sendo sempre ele a compensar as subidas de Quino. Não comprometeu.

Quino: Subiu imenso no relvado e apoiou o ataque. Na defesa falhou muito e com o Feirense a atacar exclusivamente pelo seu lado pedia-se outra contenção e outra concentração.

Pedro Moreira: Andou grande parte do jogo a tapar todos os buracos. Jogo de grande sacrifício em termos defensivos com cortes importantes.

Leandro: Muito apagado no jogo. Não foi o médio dinâmico que a posição exige.

Tozé: Algo apagado também. Nunca conseguiu ter bola de forma consistente.

Ivo: A bola raramente lhe chegou, e ele raramente a procurou.

Kayembe: Começou muito bem o jogo, com a raça habitual e alguns pormenores técnicos deliciosos. Fundamental no primeiro golo. Apagou-se um pouco na segunda parte.

Gonçalo Paciência: Melhor em campo (mais uma vez). Começam a ser poucas as palavras para elogiar o jovem ponta de lança portista. Parece finalmente ter-se encontrado com os golos e se continuar a aliar a capacidade técnica que tem a uma finalização assertiva será com certeza um caso sério.


Pavlovski: Entrou aos 80 minutos para o lugar de Ivo e já não conseguiu mudar o rumo do jogo.

Fred: Não teve tempo para tocar na bola.




FICHA DE JOGO

FEIRENSE-FC PORTO B, 2-2
Segunda Liga, 35.ª jornada
22 de Março de 2014
Estádio Marcolino de Castro, em Santa Maria da Feira

Árbitro: Tiago Martins (Lisboa)
Assistentes: André Moreira e José Borges
Quarto árbitro: Tiago Rocha

FEIRENSE: Marco Rocha; Barge, Ícaro, Carvalho e Diogo Bittencourt; Cris, Hélder Rodrigues e Fábio; Jorge Gonçalves (cap.), Porcellis e Valdinho
Substituições: Hélder Rodrigues por Tiago Jogo (67m), Valdinho por Ricardo Valente (80m) e Fábio por Sténio (90m)
Não utilizados: Paiva, Ricardo Barros, Tonel e Zé Pedro
Treinador: Pedro Miguel

FC PORTO B: Stefanovic; Víctor García, Zé António, Tiago Ferreira e Quiño; Pedro Moreira (cap.), Leandro e Tozé; Ivo, Gonçalo Paciência e Kayembe
Substituições: Ivo por Pavlovski (81m) e Leandro por Frederic (88m)
Não utilizados: Caio, David Bruno, Bruno Silva, Tomás Podstawski e Bruno Costa
Treinador: José Guilherme

Ao intervalo: 1-1
Marcadores: Gonçalo Paciência (11m e 56m), Fábio (43m) e Jorge Gonçalves (71m, pen.)
Disciplina: cartão amarelo a Pedro Moreira (36m), Cris (37m), Quiño (70), Diogo Bittencourt (73m), Gonçalo Paciência (84m) e Tiago Jogo (86m)


Por: Prodigio
Enviar um comentário
>