quinta-feira, 20 de junho de 2013

Revista de Imprensa - 20 de Junho 2013

"Iturbe, Suleman e Sílvio e  fazem as capas"


 Os três jornais desportivos portugueses fazem esta quinta-feira manchete com jogadores.O jornal O Jogo falou com Ledesma sobre o portista Iturbe, a Bola dá destaque a Sulejmani e o Record no interesse do Sporting em Sílvio.





O Jogo:

O Jogo


- FC Porto: "Iturbe já aprendeu a não ser egoísta", médio Ledesma, do River Plate, ajudou a endireitar o colega, "Cresceu muito e o FC Porto encontrará um jogador diferente"; "Atsu vale cinco milhões para o Liverpool"


- "Salin nas redes do leão"
- "Ataque final a Lisandro"



Record:

Record


- FC Porto: "Liverpool oferece 5,8M€ por Atsu"


- "Sporting quer Silvio"
- "Benfica aposta em Amorim"



A Bola:

A Bola


- FC Porto: "Herrera vai triunfar no Porto", Guardado acredita no compatriota mexicano que o Dragão quer garantir.


- "Rui Patricio em Portugal só joga no leão"
- "Adoro o estilo de jogo do benfica"
- "Patrão dos árbitros admite erros"



Notícias sobre o FC Porto:


Ledesma garante que Iturbe «agora sabe como explorar melhor o seu jogo»

Cristian Ledesma, companheiro de Juan Manuel Iturbe no River Plate, garante que o jovem extremo  vai regressar ao FC Porto a saber jogar mais em equipa e com um futebol mais objetivo.

«Olhas para ele e percebes depressa que o que tem de melhor é a velocidade e a capacidade de remate. O problema é que não sabia como tirar partido disso», afirmou Ledesma, veterano médio que partilhou o balneário com Iturbe no River Plate e que até foi responsabilizado pelo jogador do FC Porto para ser o seu tutor no clube argentino:

«O Lobo [alcunha] chateou-me porque percebeu que eu conseguiria jogar a um ou dois toques. Isso ajudou-me muito, sobretudo quando estou de costas e me basta tocar e ir receber à frente», assumiu Iturbe, há poucos dias, numa entrevista à TycSports, explicando a importância de Ledesma na sua evolução no River.

Numa entrevista concedida ao jornal O Jogo, o médio de 34 anos garante que o Iturbe que vai regressar ao Dragão e trabalhará sob as ordens de Paulo Fonseca está melhor do que aquele que os adeptos azuis e brancos conheceram.
«O treinador [do River Plate, Ramón Díaz] tem muita sabedoria e experiência, falou muito com ele e percebeu como ajudá-lo. De início não jogou muito, porque se estava a adaptar. Esperou, cresceu e agarrou a oportunidade quando a teve. O que melhorou? É mais objetivo, aprendeu a não ser egoísta, a ser menos individualista, o que era uma tendência natural, e agora sabe como explorar melhor o seu jogo. Acima de tudo, era urgente que soubesse estar em equipa», analisa Ledesma, enumerando as melhorias de Juan Manuel Iturbe.

Apesar de ter passado mais de um ano sem se impor no FC Porto, Iturbe «é um grande jogador», garante Ledesma, que vê nele «um grande futuro» mas que «precisa de gerir melhor o seu talento».

«Cresceu para o futebol no Paraguai, tem carências várias que não pode resolver em dois ou três meses», acrescentou, não assumindo, no entanto, se Iturbe está no ponto para voltar a tentar impor-se no FC Porto.


«O momento é bom. Cresceu muito, isso é evidente, e o FC Porto encontrará um jogador diferente. Aqui está confortável e confiante, mas este futebol é curto para ele. Se é o momento ideal ou não, vamos ver...», rematou.


Djalma quer fazer parte do plantel do FC Porto

Djalma, que na época que terminou esteve emprestado pelo FC Porto aos turcos do Kasimpasa, tem o objetivo de fazer parte do plantel dos azuis e brancos que na próxima temporada será orientado por Paulo Fonseca.

«O Djalma tem qualidade, tem de trabalhar para ter sucesso mas fazer parte do plantel era algo que ele gostaria», afirmou, à Rádio Renascença, Abel Campos, pai do jogador que ingressou nos azuis e brancos em 2011.

«Ele vai apresentar-se no FC Porto e só depois é que ficará a conhecer a decisão do clube sobre o seu futuro», continuou.

Na época passada, Djalma disputou 23 jogos pelo Kasimpasa, foi titular em 19 e marcou três golos.


Fucile: «Os adeptos sempre me apoiaram»

Fucile, que na próxima temporada vai voltar a vestir a camisola do FC Porto, está sensibilizado pelo apoio demonstrado pelos adeptos azuis e brancos durante o período em que esteve fora da equipa.

«Sinto-me querido pelos adeptos. Eles sempre me apoiaram, pediam-me para voltar e diziam que não sabiam o que é que eu estava a fazer fora da equipa», afirmou o lateral uruguaio, em declarações à Antena 1.

O jogador de 28 anos vai voltar a fazer parte do plantel do FC Porto por ordem de Paulo Fonseca, treinador que vai substituir Vítor Pereira, responsável pelo afastamento do uruguaio.


Liverpool sobe proposta por Atsu

O interesse do Liverpool em Christian Atsu é mais forte do que nunca e a imprensa inglesa adianta que os reds aumentaram a proposta para o contratar ao FC Porto.

Após terem feito uma primeira oferta de 3,5 milhões, rejeitada pelos azuis e brancos, os dirigentes do clube de Anfield voltaram à carga e apresentaram uma proposta que, de acordo com a comunicação social britânica, ronda os 5,8 milhões de euros.

Os últimos números já vão mais ao encontro do que o FC Porto pretende receber pelo internacional ganês, uma vez que este quer sair para Inglaterra, não entra nos planos de Paulo Fonseca e tem apenas mais um ano de contrato.


Caballero deve ir a estágio, pode fazer pré-época com Jackson

E esse é um cenário passível de realizar-se. Ao que tudo indica, Caballero deve mesmo integrar os trabalhos de pré-temporada do tricampeão nacional, como alternativa a Jackson Martínez. Quer isto dizer que o paraguaio, de apenas 18 anos, pode dar o salto da equipa secundária para a principal.

Chegado em janeiro ao FC Porto, Caballero teve de aguardar pela resolução de alguns problemas burocráticos, mas ainda foi a tempo de fazer 13 jogos na 2.ª Liga e apontar um golo, no caso ao Trofense. Agora, poderá integrar uma outra realidade, sendo até possível que siga para estágio com a equipa principal, por forma a ser observado por Paulo Fonseca. Algo para confirmar brevemente.

Certo é que o estágio vai decorrer na Holanda, mais concretamente em Horst, entre os dias 8 e 14 de julho. Esse período dos trabalhos contemplará dois jogos para os azuis e brancos, sendo que um deles será disputado na Suíça e o adversário é o Marselha, o outro clube que o capitão Lucho conheceu na Europa.



Por: Cubillas

Enviar um comentário
>