sexta-feira, 7 de junho de 2013

O garnisé*.


Estica-se no seu tamanco
Engrossa o seu vozeirão
Tod’ele é um encanto
Levantand’os pés do chão!

Quer muito ser notado
Por isso fala sem parar
Não quer imitar o passado
No Sporting, quer vingar

Por isso escolh’o terreno
Pr’alianças construir
Das águias, segu’o veneno
Qu’o leva a destruir

A cordialidade passada
Que bons frutos granjearam
Mesmo na maçã estragada
Boas colheitas se tomaram

Mas isso não é suficiente
Pra quem tem muitos Rublos
Escolhido como Presidente
Vai conquistar muitos títulos

Tenham, por isso, cuidado
Habituem-se a perder
O Bruno é um prendado
Vai com certeza, vencer!

Basta atentar-lhe o discurso
Um vencedor, no banzé
O homem no seu percurso
Ainda chega a garnisé!

*O garnisé (por vezes escrito como garnizé) é um vocábulo que se refere a diversas raças de galináceos menores do que a galinha doméstica.



Por: Joker
Enviar um comentário
>