sexta-feira, 28 de junho de 2013

Caderneta de Cromos: João Pinto o Eterno Capitão.


O Cromo de hoje é João Pinto, o eterno capitão e camisola dois.






João Pinto nasceu a 21 de Novembro de 1961 e em 1981 ingressaria no FC Porto, onde se tornaria num mito e no expoente máximo do Capitão Azul e Branco. E seria no FC Porto que terminaria a carreira em 1997.






Ao serviço do FC Porto João Pinto - o broas - como carinhosamente era conhecido pela sua pronuncia tripeira acentuada,  ganhou tudo que havia para ganhar, tanto dentro de portas como no estrangeiro, pessoa humilde, encarnava na perfeição o espírito de Dragão, quem não se lembra da célebre Final da Taça de Portugal, onde chovia de tudo que era objecto e ele lá do alto com a Taça na mão dava o corpo às balas?


João Pinto: O eterno 2. Defesa direito de grande categoria, força, técnica e pulmão, presente em vários jogos pelo Resto do Mundo no tempo em que lá jogar não era apenas destinado a um grupo de amigos mas sim aos melhores.Fazia do corredor direito juntamente com Jaime Magalhães uma ala temível. Para o fim da carreira ficariam também famosas as suas diagonais. Um Grande líder. A Taça será sempre dele!

João Pinto é hoje em dia treinador, acabando de levar o D. Chaves à subida de divisão.


Por: Paulo
Enviar um comentário
>