quinta-feira, 26 de julho de 2012

FC Porto B: Na gestão também se ganham craques, Zé António.




Aqui com Berbatov



Com a contratação de Zé António a estrutura do FC PORTO mostra estar na vanguarda do futebol nacional e mesmo internacional.

A principio estranha-se a contratação de um jogador com a idade de José António, mas a exemplo do que se passa em outras ligas com mais experiência nestas andanças (Espanhola e Alemã por exemplo), ter veteranos nas equipas B não é sinal de "cunhas" ou de "recompensas" por carreiras idas. Mas sim o valer-se do saber e de experiência feita que jogadores mais veteranos podem acrescentar a estas equipas, valer-se de inteligência competitiva e formadora.





O FC Porto não ficou atrás, sempre na vanguarda, ao tomar conhecimento que José António (um portista) se encontrava livre e em excelentes condições físicas para a prática desportiva ao mais alto nível, propôs-lhe um período de experiência (segundo consta nos media) e que culminou num contrato de 1 ano com perspectivas de futuro em outras áreas da formação azul e branca.

Ora bem centremo-nos no atleta e futebolista Zé António e no que ele poderá acrescentar a esta equipa B.



Aqui com Roy Makaay



Com passagens pelos campeonatos, Português, Alemão, Turco, e Espanhol, Zé António aparece agora nesta equipa B como garante de sustentabilidade e de equilíbrio entre a juventude e a experiência necessária para aguentar uma equipa de jovens numa 2ª Liga competitiva, onde as equipas basicamente se equivalem umas às outras,  até mais que na primeira liga onde o campeonato é praticamente jogado a 4 nos diferentes patamares da tabela classificativa.

Como fruto da passagem por esses campeonatos Zé António terá com a experiência acumulada de competição mil histórias e conselhos para dar aos mais novos, poderá ser nesta equipa um Lucho da equipa A, poderá desempenhar um papel para além de futebolista, também de professor e Mestre.




Será num balneário maioritariamente de juventude um tutor e um exemplo, alguém que garantirá o equilíbrio e o despertar para a realidade, ele que sofreu na pele a triste agrura do (péssimo) exemplo do que são alguns clubes profissionais no mundo do futebol com a experiência falhada na ultima época no U. Leiria.

Estamos em crer que nesta contratação poderá estar uma alavanca para a maturação competitiva versus humildade e trabalho de muita juventude promissora dos nossos quadros.

Por tudo isto só me resta desejar toda a felicidade do mundo a Zé António o nosso Lucho da B, para a tarefa em que terá papel crê-se que decisivo, tanto na manutenção da nossa equipa na 2ª de honra, como na formação de jovens,  seja um passo decisivo na continuidade da equipa B.

E que no presente se construa os alicerces do futuro, com este exemplo de um Portista, sim Zé António é Portista, e sempre com o sonho de envergar esta camisola, que aceita jogar na sua equipa de coração mesmo na segunda lista, tendo agora um papel de segundo plano no futebol português, mas de primeiro plano nos destinos de muitos jovens que equipam de Azul e Branco.


Experiência de um jogo à porta fechada


Ficha Técnica:

Nome: José António dos Santos Silva
Nacionalidade: Portugal Portugal
Nascimento: 1977-03-14 (35 anos)
Naturalidade: Portuguesa
Posição: Defesa
Altura: 185 cm
Peso: 76 kg



Percurso futebolístico:
Época    / Equipa
2010/11 Portugal U. Leiria
2009/10 Portugal U. Leiria
Espanha Racing Santander
2008/09 Espanha Racing Santander
2007/08 Turquia Manisaspor (E)
B.M´gladbach
2006/07 Alemanha Borussia M’gladbach
2005/06 Alemanha Borussia M’gladbach
2004/05 Portugal Académica
2003/04 Portugal Académica
2002/03 Portugal Varzim
2001/02 Portugal Alverca
2000/01 Portugal Alverca
Portugal FC Porto (B)
1999/00 Portugal Alverca (E)
Torreense
1998/99 PortugalLeça (E)
Torreense
1997/98 Portugal Torreense
1996/97 Portugal Torreense
1995/96 Portugal Torreense
1994/95 Portugal Torreense
Enviar um comentário
>