quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Verde de génio!

#FCPorto #lagartos #Sporting #BrunodeCarvalho #Doyen #Vigaristas #Joker



Tenho que reconhecer
O homem é um génio
O maior do milénio
A “comprar” e “vender”!

Compr’o que não pode
Vend’o que não tem
Ganha como ninguém!
Lucra o que não deve!

E ainda devolve ao fundo
O dinheiro investido!
O passe repartido…
Gera retorno infecundo!

No comunicado à Comissão
Diz pagar aos Russos
Construir um multi-usos
C’o esse dinheiro na mão!

Resolvido o contrato
O Fundo receb’o dinheiro
Pago p’lo passe inteiro
Tudo no valor exacto!?

Fica tudo perfeito
C’o perdão do Rojo!
E o clube em desafogo
Para investir no pleito!

Que segue já de seguida
Na sala dum tribunal…
Noutro país cultural
Que têm a lei bem sabida!

E aí se verá o jogo
Deste génio da finança
Dos valores em cobrança
O clube saberá do Rojo!

Depois de saldad’a dívida
Se saberá se valeu a pena
Se por tal quantia pequena
Tomar tod’a parte líquida!

E s’o risco do negócio
Assumida por outra parte
No acto qu’a reparte
Comutar a parte do sócio!?

Perdoa-me Vale e Azevedo
Por te ter já galardoado
O génio não vai d’encarnado
É verde qu’até mete medo!


Por: Joker
Enviar um comentário
>