segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Paixão

#Benfica #FCPorto #Joker


Um calor que nos aperta
Num coração desgovernado…
Um “objecto” desejado!!!
E a consciência deserta…

Tudo se molda à passagem
Desse desejo primário
Por “ela” tudo é necessário
Nem que sej’a vassalagem!

Pois qu’a paixão é desnorte
Libert’os homens da razão…
Só lhes interess’o coração(!!)
Que lá palpita em trote!

Sej’a, pois esse objecto
Cuja paixão lhes assola
Não uma mulher, mas a bola!
É esse “amor”, incorrecto?

S’o pretendente é árbitro
Nas decisões do “amor”
De cuja paixão, o ardor
É a errância por hábito?

Que tudo serv’a amada
Nas decisões de juiz
Qu’ele há quem o diz:
Jornada após jornada!!

E não se cans’o amante
Nas pretensões qu’aí lavra!
Que não há jogada…
Qu’o erro seja gritante!!!

Tudo se justifica
Ao ser apaixonado…
Um coração debruado
A palpitar: benfica!!!


Por: Joker
Enviar um comentário
>