sexta-feira, 20 de março de 2015

Ruído em várias frentes

#FCPorto #BluePunisher #Benfica

Nas últimas semanas vários acontecimentos felizes, caricatos e exasperantes aconteceram. A nível interno continua a “tendência acentuada” de “inclinação de campos” sempre a favor dos mesmos. 

Os artífices desta “nova arte” demonstram tal arte e engenho, que qualquer dia são convidados pela NASA para a construção de plataformas de lançamento de foguetões, uma vez que não haverá provavelmente neste planeta quem perceba mais da arte das “inclinações” e suas complexidades!

Não sei se é uma estratégia desenhada ao mais alto nível, para em ano de eleições dar a grande alegria ao “povo” de ver a “instituição” levantar a taça, e assim criar uma empatia com os atuais partidos da governação, perpetuando-os na cadeira do poder. Mas que é estranho e suspeito isso ninguém pode negar!

Perante tantos indícios de erros gravíssimos de arbitragem quase em todas as jornadas do campeonato e também noutras competições nacionais como a taça da liga e taça de Portugal, que desvirtuam e falseiam de forma bárbara jogos, ninguém tem interesse em investigar nada!

E continuam outros “cozinhados” bem ao estilo do colo colo de Carnide, como por exemplo “conversar” com jogadores de clubes adversários antes de jogar ante esses clubes. No início da próxima época veremos quem “transitou” para o colo colo de Carnide! Os favores pagam-se, não há almoços grátis!

E onde andam os “escribas” e “paineleiros” hipócritas da nossa praça que outrora criticavam ferozmente o FC Porto por acordar com os clubes a quem emprestava jogadores que estes não o defrontariam, que não opinam sobre os casos da não utilização dos jogadores do Belenenses precisamente ante o colo colo de Carnide?

E o “chefe dos árbitros” nem vê-lo! Deve estar tudo bem pois o homem não se pronuncia sobre nada, nem aparece! No passado foi tão assertivo em promover uma conferência de imprensa para debater questões de arbitragem, é difícil perceber como agora tendo muito mais matéria de facto para debater, porquê não tem a mesma “disponibilidade”.

Ultimamente temos ouvido e lido coisas verdadeiramente mirabolantes, desde os devaneios vindos de diversos quadrantes do colo colo de Carnide, desde o “papagaio de serviço” João Gabriel, até ao “ex-ministro” Rui Gomes da Silva, até ao José Eduardo Moniz, um tal de Varandas, o Manuel Vilarinho e tantos outros que perderam a oportunidade de estarem calados.

Como se não bastasse de disparates, ao mais alto nível vieram também “verborreias” do intragável e hipócrita Michel Platini presidente da UEFA, que com dons de astrólogo anteviu que o Paris Saint-Germain poderá ser campeão europeu, tendo equipa para isso e tendo sido programado para tal. 

Por coincidência é um clube do seu país natal e como este indivíduo nunca diz ou faz nada ao acaso, só espero que não nos calhe no sorteio da Liga dos Campeões esta equipa, pois com todo este “wishful thinking” do Platini parece que os parisienses terão “via verde” para no mínimo atingirem a presença na final nesta prova.

Foram divulgadas as contas da liga de clubes, e conforme já se suspeitava a gestão de Mário Figueiredo foi um autêntico desastre também no plano financeiro, deixou aquele organismo falido e em sérios apuros. No plano desportivo foi o que se viu, outro vassalo do colo colo de Carnide, que nunca olhou a meios para atingir os fins desejados.

Curioso é o fato de quando questionado se pretendia agir judicialmente contra Mário Figueiredo, Luís Duque atual presidente da liga de clubes colocou logo “água na fervura” afirmando que estava preocupado em resolver a situação financeira da liga de clubes e não interessado em litígios judiciais. Esta gente parece saber os “podres uns dos outros” pelo que não convém remexer na “sujidade”, alguém pode sair chamuscado, acusados, acusadores, quem sabe!

Ainda está por explicar o que é que o FC Porto ganhou, ganha e ganhará em ajudar a pagar a “pesada fatura” que Mário Figueiredo deixou, uma vez que foi amplamente noticiada uma “aliança” entre o FC Porto e o colo colo de Carnide para salvar a liga de clubes, em que assumiram inclusivamente pagar as dívidas deixadas!

Qual seria o drama em deixar morrer a liga de clubes e o campeonato voltar a ser organizado pela Federação Portuguesa de Futebol? A arbitragem seria pior do que é agora? Duvido.

Fica a clara sensação que uns comem a carne e outros os ossos! Quem domina a arbitragem e órgãos disciplinares a seu belo prazer é mais do que evidente, tudo lhes é permitido e a “passadeira vermelha” é estendida em todas as provas internas para que nada falhe.

Não me conformo após tudo o que o colo colo de Carnide fez especialmente antes, durante e após o famigerado processo “apito dourado”, que o FC Porto tenha feito alianças com aquela agremiação, perdeu-se do nosso lado a memória, respeito, auto estima e honra, e isso não poderá nunca ser reparado. 

Ainda sobre ruído, Mesquita Machado veio a público afirmar que o colo colo de Carnide é perito em jogadas de bastidores, já sabíamos mas obrigado por confirmar! Isto tudo acerca da “choradeira” do senhor Gomes da Silva sobre o “facilitismo” dos arsenalistas quando defrontaram o FC Porto.

Sérgio Conceição foi outro a contribuir para mais um episódio ridículo no futebol português com uma incompreensível histeria, vindo queixar-se da arbitragem no jogo contra o FC Porto na “pedreira”, afirmando ter a certeza dum penalti por marcar. O que é falso, mesmo que fosse verdadeiro faltou-lhe honestidade intelectual para reconhecer que no Dragão a sua equipa fora beneficiada pela arbitragem com penaltis e expulsões perdoadas. ´

Enfim siga a banda, é o futebol que temos com um rol de treinadores que não evoluem e são isto e não passam disto. Até tenho uma certa simpatia pelo Sérgio devido à sua passagem pelo FC Porto e pela sua postura em campo nessa altura. Era um atleta que dava tudo o que tinha e sentia a camisola, como poucos hoje em dia diga-se de passagem. No entanto a continuar por esta senda, será mais um treinador medíocre, cabe-lhe decidir se é esse o objetivo.

Para encerrar a temática do “ruído”, quero felicitar o treinador do FC Porto pela forma como tem comunicado nas conferências de imprensa com elevação, inteligência, acutilância e educação, deixando os “lacaios do regime” sem argumentos e armas de arremesso o que naturalmente os deixa a “espumar de raiva”. O Basco até já responde em latim ao labrego “catedrático”! Lopetegui parece estar a perceber o que é o FC Porto, a sentir o Clube, e a observar como este Clube é tratado e atacado entre muros.

A estratégia do colo colo de Carnide é sempre a mesma, criar uma mentira, repeti-la até à exaustão, desviar as atenções do óbvio, da realidade, e contar com a colaboração duma população em grande parte iletrada, inculta e acéfala, que não gosta de desporto, prefere debater “casos” e recorrer ao escárnio, mal dizer, às calúnias, climas de suspeição e desculpas.

Não poderia deixar de referir a vergonhosa arbitragem do FC Porto x Arouca, onde foi mantida a “tendência” de punir no limite dos limites do possível os jogadores do FC Porto ao abrigo de tudo o que os regulamentos do jogo permitirem, mesmo que sejam utilizadas “interpretações abusivas”.  

No lance da expulsão do Fabiano parece-me claro que em Portugal só em duas situações este lance dava expulsão, especialmente se observarmos que o Ricardo vinha a acompanhar o lance lado a lado com o jogador do Arouca e até tinha ganho a posição preparando-se para ganhar o lance. 

Ora a expulsão aconteceria se fosse um lance em benefício direto do colo colo de Carnide, ou em prejuízo do FC Porto como foi o caso, que como uma “pescadinha de rabo na boca” beneficia os mesmos do costume mesmo que indiretamente.

A não marcação do penalti sobre o Quaresma é outra aberração que não é possível aceitar nem compreender, os “branqueadores do costume” ao serviço do regime ainda tentaram justificar este lance dizendo que era jogo perigoso mas nunca penalti, e que quando muito daria marcação a livre indireto dentro da área do Arouca.

Julen Lopetegui com “ar angelical” comentou este lance da seguinte forma “creio que em Portugal um pontapé na cara dentro da área ainda é penalti"! Pois mas só para alguns Julen e como és uma pessoa inteligente saberás deduzir para quem.

Ainda pudemos assistir a um lance em que o Arouca criou grande perigo em que Helton salva com uma enorme defesa dando uma palmada na bola desviando-a por cima da trave, com o “pormenor” do jogador do Arouca que rematou estar em claro fora de jogo. A falta de honestidade do trio de arbitragem liderado por Jorge Tavares não se ficou por aqui, ainda conseguiu travar Brahimi assinalando-lhe um fora de jogo inexistente quando ia em boa posição isolado para a baliza do Arouca.

Tudo somado nesta jornada do campeonato ante ao Arouca: outro monumental roubo! E a questão é, o que é que a SAD do FC Porto pretende fazer em relação a isto? 

Se o rigor aplicado ao ajuizar lances em que os jogadores do FC Porto são intervenientes fosse aplicado ao colo colo de Carnide, certamente estes últimos não acabavam um jogo com 11, mas como a lógica das coisas está invertida, quem defronta o colo colo é quem normalmente não acaba com 11!

Algo muito interessante apareceu na imprensa recentemente, são as declarações do prestigiado e credível árbitro fora do ativo, um dos melhores dos últimos tempos, Pierluigi Collina, acerca duma artimanha, jogo sujo, como quiserem chamar utilizada pelo colo colo de Carnide, os famosos bloqueios!

Vítor Pereira antigo treinador do FC Porto tinha sido o primeiro a denunciar este tipo de situação e na altura foi ridicularizado na comunicação social colaboracionista com o regime, no final Vítor Pereira ficou a rir-se pois nas palavras do próprio “uns ficaram com a nota artística e nós com o título”. 

Collina atual responsável pela arbitragem na UEFA, num artigo no jornal desportivo italiano “Gazzetta dello Sport” utilizou como exemplo um jogo entre o colo colo de Carnide e o Fenerbahçe numa meia-final da Liga Europa, onde foi possível observar os bloqueios faltosos aplicados pelos defesas do colo colo.

Nesse artigo Collina recomendou aos árbitros que em livres e lançamentos laterais e nos cantos, onde este tipo de bloqueios é um “modus operandi”, seja assinalada sempre falta se observarem que um jogador corre em direção ao adversário sem ter a possibilidade de disputar a bola e com o único objetivo de o bloquear.

Espero que os árbitros portugueses tenham lido este artigo e ajam em conformidade, não se deixando intimidar pelo “peso” do colo colo de Carnide. Se este artigo fosse uma crítica ao FC Porto a comunicação social do regime espalhá-lo-ia aos “sete ventos” dado o maior eco possível. Já sabemos o que a casa gasta, a fórmula é velha e bem conhecida!

Este campeonato com as sabujices e artifícios que têm vindo a ser utilizados pelo colo colo de Carnide são um sério aviso à SAD do FC Porto, manter o silêncio e apatia deixou de ser uma opção. Arriscamo-nos a assistir à ressurreição em todo o seu esplendor, do tempo em que só era permitido ao colo colo de Carnide ganhar, ficando o seu vizinho da capital com umas “migalhas de vez em quando”.

Resta-nos no presente combatê-los em campo, atingindo-os onde lhes dói mais, ou seja ver o FC Porto vencer! Aos nossos inimigos desejo longos anos de vida e muita saúde para assistir a muitas vitórias do FC Porto!

FC Porto a vencer desde 1893!

A Chama do Dragão é Eterna!

FC Porto sempre!





 Por: BluePunisher
Enviar um comentário
>