sábado, 6 de setembro de 2014

O profeta

#benfica #FCPorto #Profeta #Joker



Só nos faltava um profeta
Pr’a se juntar a Jesus
Que como discípulo reluz
No estômago da baleia aberta!

Pois mandatado por Deus
Para admoestar Nínive
Foge com medo, e decide
Deixar sem castigo, os ateus…

E embarca à península
Desd’o porto de Jope
Tem Valência, pois é forte
Mas arrepende-se da renúncia

E envolto em pensamentos
Abeira-se da proa do barco
Quando uma onda dá salto
Ao seu corpo por momentos

E eis que caído ao mar
Quando esgotado sem forças
Uma baleia das moças
Traga-o por plancton e ar…

E nesse estômago viçoso
Queda-s’o Profeta três dias
Em reviravoltas, maresias
O qu’o deixa um homem novo

E abert’o grande mamífero
Desde o seu interior
Sente-se Jonas, o Salvador
E convicto por presbítero!

Regress’à Assíria e vê
Tod’o esse arrependimento
Pelo imenso tormento
Que nesse povo já se crê!

E convicto do desígnio
Volt’a embarcar à Ibéria
É pastor de figura séria
E Valência seu destino…

E por lá profere “mil anos”
As suas aventuras no mar
Quando Deus, no seu lugar
Acabou pois, os seus planos!

Pois que fugido em receio
Da ferocidade Assíria
Julgou ver na Ibéria
Outra vivência por meio!

É profeta, não é mártir!
Uma escolha razoável…
C’a vida é bem durável
E pr’a viver há que fugir!

Por isso nessa carreira
De profeta do insólito
Sabe-se de Jonas, acólito
Numa Igreja de terceira!

Pois que na Costa Brava
Se vive bem, sem profecias
E Deus não lhe dá arrelias
Pr’a se converter no “Bandarra”!

E vive uma vida feliz
Longa, cheia de prebendas
Onde acólito, faz oferendas
Ao Deus que já nada lhe diz….

Arrasta-se na vocação
Do profeta do grande peixe
E não há alma que se queixe
De estar ali um “sermão”!

Melhor que ter o gozo
É quiçá gozar da fama
Que um profeta reclama
Pr’a se sentir poderoso!

Por isso chegad’a hora
D’ir pregar a outra freguesia
Eis que Jonas, segu’a via
Doutr’o “peixe” sem demora!

E cheg’a “Olisipo”
Desembarcando num cachalote
E sob’a Carnide em trote
Pr’a ir pregar c’o novo “Pippo”!…

Com outro profeta já velho
Tem-se na cúria da Luz
Todo um cortejo da cruz
Que parece um evangelho!


Por: Joker
Enviar um comentário
>