domingo, 11 de dezembro de 2011

Liga Nacional de basquetebol 9ª Jornada: Benfica 79- 69 FC Porto



Jogo no pavilhão do Benfica, com entrada forte do FC Porto, num jogo de emoções onde se defrontavam as duas melhores equipas do campeonato nacional onde cada erro podia ter custos para qualquer das equipas, com o porto a chegar rapidamente a uma vantagem de 6-12
baseando o seu jogo numa forte capacidade defensiva e a forçar o jogo exterior.

Um Benfica que acumulava erros no ataque e a fazer-se valer sobretudo pela capacidade individual dos seus atletas, contra um bom jogo colectivo do porto.

Chegando-se ao fim do 1º período com uma vantagem no marcador para o Porto de 12-14.



O segundo período inicia-se com uma toada de parada e resposta com o Porto a continuar a apostar no seu jogo exterior e com o Benfica a fazer uma boa gestão do seu banco e do seu melhor plantel.

Com o jogo equilibrado ganha notoriedade o bom jogo interior do Benfica e a sua boa circulação de bola, levando-os a uma vantagem no marcador de 30-24, forçando o porto a pedir um desconto de tempo, após um parcial de 12-6 do adversário, após este afinar o seu jogo exterior.

Após o desconto de tempo o Porto reagiu bem tornando o jogo competitivo e equilibrando o marcador, com destaque para a coragem do seu treinador em apostar nos jovens do seu banco.

A primeira parte acaba com o Benfica a ganhar por 42-41 num jogo completamente equilibrado e com destaques individuais para Betinho e João Santos. E com uma boa defesa sobre Greg Stempin.

Começo da segunda parte de forma atabalhoada por parte de ambas as equipas, com o Porto a forçar em demasia o tiro exterior, chegando-se aos 3mn ainda sem o marcador ter funcionado
Atacando o marcador o Benfica por parte de lances individuais dos seus atletas e usando e abusando os atletas do porto da linha de 3pontos

Um 3º período que termina com o marcador empatado a 52,sem grande protagonismo de qualquer das equipas em que a qualidade basquetebolistica diminuiu mas o equilíbrio predominou


Um quarto período  que se assegurava como extremamente decisivo, em que o Benfica entra a marcar, com resposta imediata por parte do porto e de Stempin que tem estado bem defendido neste jogo.


Benfica entra mais forte, chegando aos 59-55 levando a uma reacção do banco do porto, que não tem efeitos imediatos, mas que lentamente chega ao empate a 65.

O Benfica acaba por se distanciar no marcador acabando por chegar a uma vantagem que lhe garante a vitoria.

Resultado final : 79-69

Uma nota para os novos americanos que não conseguem fazer a diferença.


FC Porto: 
José Costa (4), Carlos Andrade (11), João Santos (12), Miguel Miranda (5), Gregory Stempin (18).

Jogaram ainda: Rob Johnson (10), David Gomes (2), Diogo Correia, João Soares, Miguel Maria, Reggie Jackson (5) e Nuno Marçal (2).


Destaque para a péssima transmissão por parte do benficatv com sistemáticas repetições dos seus ataques nos momentos em que o Porto atacava impedindo de ver o desenrolar dos nossos ataques, pouca competência e pouco desportivismo por parte do nosso rival.


Por: Rabah Madjer
Enviar um comentário
>