domingo, 18 de dezembro de 2011

Campeonato Nacional de Andebol, 16ª Jornada, FC Porto 48 - 29 Belenenses




Jogo de luxo, jogo de Campeões.

Os tri-campeões entraram para este jogo a perder como que dando uma prenda de natal a um belenenses que iria chorar no final da partida e participando num jogo para mais tarde recordar (esquecer?), a recuperação do 1-2 faz-se de imediato e embalando o FC Porto para um resultado avassalador de contornos históricos.









Ataques de toda a forma e feitio, de contra-ataque de ataque planeado, das pontas, dos nove metros, um FC Porto de Luxo que chegou naturalmente ao intervalo a vencer por 25 - 13.

A segunda parte iniciou-se com a mesma toada, jogo rapidíssimo, acelerações desconcertantes, combinações de deixar o Belenenses de olhos em bico.

Obradovic e bem roda todo o banco dando minutos a muitos dos jovens que no futuro serão o garante desta maravilhosa equipa.

O jogo terminaria com uns fantasticos 48 - 29, com uma exibição de gala em que destacamos os reforços Daymaro Salinas (8 golos) e Elias António ( 6 golos, este um regresso ao clube).

Mais uma vez se prova que no panorama Andebolistico Nacional não há equipas para esta super-equipa, vistam elas de azul ou vermelho e aproveito para desejar um bom Natal à dupla de Arbitragem madeirense que nem com o (péssimo) serviço que prestam ao andebol nacional, nos conseguiram afastar do lugar cimeiro.

No Belenenses destaques para Semedo ( a fazer lembrar o nosso ex-atleta do futebol Esquerdinha) e Belone.

Queria destacar ainda dentro dos detaques o excelente golo de  Elias António, um golo verdadeiramente épico, digno de figurar nos mais belos da modalidade, em que este recebe no ar um passe de Filipe Mota originário do meio campo e em voo marca colocando a bola no poste mais distante, Brilhante!

Ficha do jogo:

Local: Dragão Caixa

FC Porto: Hugo Laurentino (gr), Gilberto Duarte (6 Golos), Filipe Mota (7), Tiago Rocha (7), Elias António (6), Ricardo Costa (3) e Pedro Spínola (1). Jogaram ainda: Alfredo Quintana (gr), Vasco Santos (3), Daymaro Salina (8), Sérgio Rola (3), Hugo Santos, Nenad Malencic (4) e Duarte Carregueiro.

Treinador: Lubomir Obradovic

Belenenses: André Vilhena (gr), Vasco Ribeiro (gr), Bruno Sobreira, Rui Sustelo (1 Golo), Tiago Miranda (3), Filipe Pinho (1), Belone Moreira (4), David Carvalho (1), Rúben Pacheco (5), Diogo Godinho (1), Tiago Fonseca (2), Diogo Domingos (1), Elledy Semedo (8) e Duarte Lino (2).

Treinador: João Florêncio Jr.

Por: Rabah Madjer
Enviar um comentário
>