quinta-feira, 1 de junho de 2017

Vale tudo!


Vale tudo!

A cruzada contr'o Porto
Vai do Hóquei ao Andebol,
E aí vem o Basquetebol 
Depois do Futebol ser outro!

Vale tudo
Pr'a nos "secundarizar", 
Que qualquer dupl'a apitar
Já vai com estudo!

São de Lisboa
As melhoras duplas, 
E se eles têm culpas 
Nas decisões de capicua...

São ilibados 
P'las jurisdições,
Pelas "ilustres decisões"
Dos "advogados"!?

Admitem culpas
De julgamento, 
Mas das regras e o seu cumprimento 
Têm-nas ocultas!?

Há perversão 
Nas decisões,
E os campeonatos, e as suas adulterações,
Estão na sua mão!?

Não há recurso 
Que lá s'atenda,
Porque nisso se tenta 
Tod'o seu escuso!

E vendo erros graves,
Grosseiros!?
Eles são os primeiros 
A redimir os entraves...

Não há competição
Justa, neste país,
Porqu'o Porto está marcado a giz
E a carvão!

E estes ditos árbitros
Não escondem preferências,
E são eles as pardas-eminências 
D'olhos estrábicos!

Tud'o qu'é azul-e-branco
É pr'a assinalar,
Porque mais vale marcar 
Uma falta de banco!

E mesmo que não exista 
A sanção dos passes,
Conta-se pelas bases 
E a falta é vista!

E depois de verificada
A razão do protesto, 
Concorda-se c'o texto 
Na razão não dada!?

É est'o Direito
Do nosso desporto,
S'é contr'o Porto 
O juízo é escorreito!?

Mesmo c'a evidência 
De tais imagens.
As decisões das arbitragens 
Têm sempre preferência!

Há "juízo correcto"
No erro de sanção, 
E o título de campeão
Está correcto?

Festeja-se na TSF
E na "Católica",
E tod'a nação apostólica 
Se benze!

Ganhou o "sporting de Portugal"
No Andebol,
E no Futebol 
O benfica fez igual!

Viva Lisboa
E as suas duplas,
E doutas desculpas 
Desta gente "boa"!

Não se pode parar
De competir?
Temos qu'a tudo assistir 
Pr'a se jogar?

Temos mesmo de competir
Contr'as estas duplas?
Vamos aceitar as nossas culpas,
Mas do resto quem o vai ouvir?

É sempre contra tudo
E contra todos!
Ganhando, vencemos a rodos,
Vencemos o mundo!

Daí o nosso querer
A nossa resiliência!
A nossa resistência 
Bate-se contr'o poder!

Contr'o regime,
Contra esta mentalidade!
Contra esta eterna enfermidade 
Que nos define...

Já só falta o Basket
Pr'a nos derrotarem,
Só falta ganharem 
No Cricket!

Onde lá competem
C'as nossas equipas,
Há duplas esquisitas 
Que tudo repetem...

Depois da Oliveirense 
Recebemos o regime, 
No Hóquei é o mesmo filme 
Em suspense...

Expulsam-nos o jogador
Pr'a não jogar c'o "Estado",
E o jogo fica mais equilibrado 
No marcador...

E se vencer o benfica
Ganha Portugal!!
Por isso nada mais natural 
Que quem julga, também sticka!

Joker

Enviar um comentário
>