segunda-feira, 18 de maio de 2015

Bruxo!

#Joker #Benfica #FCPorto


Estava-se a ver
Desd’o princípio
Qu’ao menor indício…
Ia-mos perder!

Com tanto colo
Pr’a dado clube
Quase qu’o soube
Por protocolo!

Estava-se a ver
E sem ser bruxo
Que dar-se ao luxo
De não se vencer…

Quando se devia,
Com arreganho!
E sem empenho…
Nem com bruxaria!!

Sem identidade
Sem raça ou querer!
Querer vencer
Em “igualdade”…

É pr’a esquecer!
Que neste país
Existe a raíz
Do “mau perder”!

E pr’a vencer
Não se nos basta
Tomar da casta
O verbo d’encher!

Temos que ser
Muito melhores!
E qu’as suas “dores”
Se façam ver!!

Mas para isso
É preciso antídoto!
Como um etílico
Pr’o “anti-cristo”!

Não me quero bruxo
Nem sou de Fafe…
Nem me sobr’a arte
Dum Porto frouxo

Mas adivinho!
Que só lá vamos
Quando encontrarmos
De novo, o caminho!


Por: Joker
Enviar um comentário
>