domingo, 27 de novembro de 2016

Carta ao Pai Natal


Carta ao Pai Natal

Caro Pai Natal,
O que me porto bem!
E não há nisto ninguém
Que me seja igual!!

E peço-te este Natal
Uma coisa singela:
Não ficar a meio da tabela
No campeonato de Portugal!?

Quedar-me c'o terceiro,
Quanto muito c'o quinto,
E é-me indistinto
Ver o benfica em primeiro!?

Tu sabes quanto me resigno
A ter qu'admitir tal facto,
Mas se ficar em quarto,
Eu desde já assino!!!

E vem com alarido
Doar-mo p'la chaminé,
Qu'eu já não dou fé,
Por estar mal dormido....

Podes gritar "Feliz Natal"
Qu'eu não vou acordar,
Qu'eu quero hibernar
Pr'a outro "local"...

Ah, traz-me um tapa-ouvidos,
Como prenda acessória,
Pr'a não ter qu'ouir a mesma história
Dias seguidos...

C'o benfica campeão
Vai ser uma mar de festa,
E Portugal, é desta
Qu'abate a inflação!!

E ouvi-los a gritar
"Gloriosos"...
Em gritos langorosos
A ulular...

Não tenho capacidade
D'os aguentar mais um ano;
Arranja-me um plano
De liberdade!!

O meu Porto
Já não é essa "terra",
Porque morreu na guerra,
Absorto....

Um mero moribundo
Arrastou-se no Restelo,
E eu a vê-lo
Sem mundo...

Uma triste notícia
De "fim d'época",
E dessa triste réplica
O Porto é um peluche, uma pelícia!!...

E sabes que pr'a bonecos
Já não tenho idade,
Que na minha mocidade
Também vi tais "matrecos"!?...

O tempo volt'a atrás,
À época "gloriosa",
E a malta anda gulosa
Com tanto ás!!?

Os "benfiqueiros"
Já são aos milhões!!
E mostram-se foliões
Como primeiros!!!

Não os via inúmeros
Desde há três décadas;
Nunca imaginei tantas cabeças
De mouros!!?

Houve a reconquista,
Ou foi só simulacro?
O país é sacro
Ou maometista?

Traz-me um turbante
Pr'a me disfarçar,
Qu'eu ando a jejuar
Bastante...

E não há volt'a dar
Só c'o Espírito Santo,
E e eu não creio tanto
Qu' Papa vá voltar!!

Qu'o Porto já morreu
É dose de cavalo,
Mas maior é o abalo
Qu'o benfica é o céu!!

Dá-me outra opção
Como prenda,
Não sejas uma lenda
Ou fabulação!

Arranja-me uma vaga
No campeonato,
Qu'eu dou de barato
Esta aziaga!

O quê?
Não és milagreiro?
E o lugar primeiro
Já se te vê?!

Ok, só um bilhete
Pr'a qualquer lado!!
Qu'até em jogo-jogado
Isto é um frete!

Não há nad'a fazer,
Traz-me "Rennie",
E fico-me por aqui
A dissolver...


Joker


Enviar um comentário
>